Sábado, 25 de Julho de 2009

1958 - Para Sempre

O mundo, enquanto planeta, nunca deixou de girar, mas o mundo, enquanto conjunto de seres humanos, parou... E nunca mais será o mesmo.

Faz hoje um mês!

 

Um mês passou, podia ter passado um ano ou até uma década.

Michael não será esquecido!

 

Faz hoje um mês e eu lembro-me como se tivesse sido ontem; soube pela televisão, faltavam poucos minutos para a meia-noite, e fiquei num estado que posso considerar de "choque", acho que nunca antes uma notícia teve tanto impacto em mim.

Uma velha frase da minha irmã veio-me à memória:

 

"Quando o Michael Jackson morrer, meio mundo vai ficar de luto"

 

É tão bom saber que ela se enganou!

Afinal não é "meio mundo", é o "mundo todo".

 

MJ Fan Gathering por J0 anna.
Canadá
 
mjackson12.jpg
Canadá
 
suicideblonde: Argentina, June 26th
Argentina
 
bigfun: pureblog:suicideblonde:Pakistan, June 26th
Paquistão
 
http://www.culch.ie/wp-content/uploads/300620092467-768x1024.jpg
Irlanda
 
 
Bulgária
 
http://www.shawie.com/wp-content/uploads/2009/06/dancing-inmates-tribute.jpg

Filipinas

 

 
An Indonesian painter puts out a painting of the late U.S. pop star Michael Jackson
Indonésia

 

 

 

India

 

mjackson09.jpg
Nova Iorque, EUA
 
http://cdn.sheknows.com/celebrityphotos//2009/07/fans-pay-tribute-to-michael-jackson-at-the-apollo-theatre-808x1024.jpg
Teatro "Apollo", Nova Iorque, EUA
 

 

mjackson17.jpg

França

 

http://static.guim.co.uk/sys-images/Guardian/Pix/pictures/2009/6/28/1246222011725/Michael-Jackson-fans-gath-001.jpg

França

 


http://pic1.dbw.cn/0/00/10/09/100944_084248.jpg

Roménia

 


mjackson20.jpg

Espanha

 

 


mjackson23.jpg

 

China

 

http://www.chinahush.com/wp-content/uploads/2009/06/20060628MJ011.jpg

China

 

http://www.cairns.com.au/images/uploadedfiles/editorial/pictures/2009/07/07/Cairns-WebUsual-CP08JUL09P100-CC167828-MICHAELJAC.JPG

Austrália

 

http://i.thisislondon.co.uk/i/pix/2009/06/2906lyric_415x314.jpg

Inglaterra

 

http://i.dailymail.co.uk/i/pix/2009/06/29/article-1196243-0582C2CA000005DC-401_468x340.jpg

Inglaterra

 

http://horiwood.files.wordpress.com/2009/06/1aromestributepiazzanavonasquaremichaeljackson1.jpg

Itália

 

http://www.sacbee.com/static/weblogs/ticket/Michael_Jackson_Reax.jpg

Los Angeles, EUA

 

http://cdn.sheknows.com/articles/michael-jackson-la-memorial.jpg

Los Angeles, EUA

 

http://myrtleshuffle.files.wordpress.com/2009/06/f29fffc268c15fe9b9264104a37ee640.jpg

Cuba

 

A woman cries as she remembers Michael Jackson during a memorial gathering in Warsaw.
Polónia
 
http://english.cctv.com/20090629/images/1246243107831_1246243107831_r.jpg
Turquia

 

Media and fans still paying tribute to Michael Jackson outside Joe Jackson's house in Encino, CA.

Rancho Neverland, Califórnia, EUA

 

http://i.dailymail.co.uk/i/pix/2009/07/01/article-1196781-058D134E000005DC-154_468x309.jpg

Rancho Neverland, Califórnia, EUA

 

http://www2.tbo.com/exposure/full/2009/06/30/4958_mj-neverland.jpg

Ranho Neverland, Califórnia, EUA

 

http://www.cbc.ca/gfx/images/news/photos/2009/06/26/w-la-jackson-cp-6938167.jpg

Hollywood, EUA

 

People mourn in front of the U.S. embassy in Moscow
Rússia

 

Suécia
 

Japão

 

http://thestandard.com.hk/images/instant_news/20090626/bald(14).jpg

Japão

 

 

 

Hungria

 

 

Macedónia

 

 

Singapura

 

 

 

Singapura

 

http://www.thaiphotoblogs.com/media/blogs/new/090703aa.jpg

Tailândia

 

Members of Michael Jackson's Fan Club in Vietnam mourn his death at a cafe in Hanoi. <em>Photo: Reuters</em>

Vietnam

 

http://ariniaina.files.wordpress.com/2009/07/r-i-p-mj.jpg

Malásia

 

http://images.theage.com.au/2009/06/29/608783/jacko2-420x0.jpg

Malásia

 

El Salvador

 

http://images.theage.com.au/2009/06/28/607468/2806jackson_fans-420x0.jpg

Chile

 

CZECH-US-ENTERTAINMENT-MUSIC-JACKSON  

 Républica Checa

 

 
 

México

 

Iraque

 

-  

 

Bélgica

 

-  

 

Alemanha

 

Michael Jackson Memorials from Around the World
Brasil
 
Michael Jackson Memorials from Around the World
Palestina

 

 

-

Suiça

 

http://wwwimage.cbsnews.com/images/2009/07/03/image5131876.jpg

África Do Sul

 

http://d.yimg.com/a/p/afp/20090711/capt.photo_1247263649260-1-0.jpg

Gary, Indiana, EUA (cidade natal de Michael)

 

http://d.yimg.com/ca.yimg.com/p/090713/afp/iphoto_1247263580526-1-0jpg.jpg

Gary, Indiana, EUA (cidade natal de Michael)

 

http://www2.pictures.zimbio.com/fp/Michael+Jackson+Star+Walk+Fame+mG-knF-Psusl.jpg

Estrela De Michael Jackson No Passeio Da Fama, EUA

 

http://www4.pictures.zimbio.com/fp/Michael+Jackson+Star+Walk+Fame+qEQ-NxwD1gIl.jpg

Estrela De Michael Jackson No Passeio Da Fama, EUA

 

http://photos.upi.com/slideshow/lbox/3a5a9fb2d5c35ec22713a723222215bd/Michael-Jackson-Memorial.jpg

Estrela De Michael Jackson No Passeio Da Fama, EUA

 

http://blog.oregonlive.com/ent_impact_home/2009/06/MichaelJacksonStar.JPG

Estrela De Michael Jackson No Passeio Da Fama, EUA

 

 

tags:
publicado por mafalda às 14:29
link | comentar | ver comentários (8) | favorito
Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

a despedida de Prince, Paris e Blanket

http://isvodkaevents.com/wp-content/uploads/2009/06/michael-jackson-children-blanket-paris-prince-secret-picture.jpg

  

"Papá, acho que hoje não estive bem. Quando olhei para o Blanket, reparei que ele estava um pouco triste. Eu queria saber porque é que ele estava triste mas ele não quis dizer. Achas que me podes ajudar a perceber porque é que ele estava triste?

Eu quero que ele seja tão feliz quanto eu e tu"

 

Este é um pequeno excerto de uma carta que foi escrita na semana passada pelas mãos da pequena Paris.

Segundo La Toya, irmã de Michael, Paris continua a escrever cartas ao pai, veste as suas t-shirts e tem as paredes do quarto forradas com posters e fotografias.

 

Michael Jackson walks with kids Prince and Paris through a studio parking lot in Los Angeles Paris   https://1.bp.blogspot.com/_6q-f-zD4xPY/SO3b6-hVF9I/AAAAAAAAGB8/Wo1gqpTreVI/s400/Blanket.jpg

 (Prince Michael, Paris Katherine e Blanket, em 2009)

 

As palavras de La Toya:

 

" Foi Paris quem disse que queria ver o pai pela última vez, então levei-os à sala. Perguntei-lhes o que queriam dizer e eles responderam-me:

 

- Coisas secretas.

 

Ele tinha uma toalha a tapar-lhe o rosto. Eu ergui-a e a Paris disse:

 

- Oh papá, eu amo-te!

 

Nós abraçámo-lo, eu beijei-o na testa e as crianças seguraram as mãos dele. Nem parecia que ele tinha partido.

Rezámos todos juntos por ele, várias vezes, ao longo de mais de meia hora. Quando saímos daquela sala as crianças já não choravam, estavam em silêncio. Conformaram-se."

 

(Paris, em 2003)

 

La Toya conta também que Paris foi a única dos três filhos de Michael a assistir a um pequeno e privado serviço fúnebre, de caixão aberto, no cemitério de Forest Lawn, na véspera da despedida mundial. 

La Toya diz que Paris tentou prender um fio com uma medalha em forma de coração partido em torno do pescoço do pai. Esta medalha é daquelas que vêm em pares. Amigos e namorados têm, cada um, uma metade do coração, o qual muda de cor ao tocar na pele, símbolo de devoção mútua.

Paris usou a sua metade no serviço fúnebre.

 

(Prince Michael, em 2003)

 

As palavras de La Toya:

 

"A Paris tinha trazido a medalha como oferta de despedida para o pai. Primeiro tentou pôr o fio no pescoço dele mas, como não prendia, passou-o em torno dos braços. Depois juntou as metades e disse:

- Papá, é para ti.

E separou-as de novo.

Ela disse-me:

 

- Quero que uma metade fique com o pai e eu fico com a outra metade para sempre. A metade do pai fica azul porque ele está frio, a minha é roxa."

 

(Prince Michael II, "Blanket", em 2003)

 

Prince Michael e Blanket não quiseram assistir a essa pequena despedida, e segundo La Toya, os rapazes estão a tentar lidar com a tragédia, cada um à sua maneira:

 

"O Prince Michael não ficou tão afectado como a Paris. depois de ver o corpo do pai no hospital, reparei que parecia mais conformado à medida que avançava pelo corredor. Nunca mais chorou desde esse dia, mas eu quero que ele chore. Eu disse-lhe que não faz mal chorar.

O Blanket é amoroso e está a lidar bem com o que se passou".

 

http://www.telegraph.co.uk/telegraph/multimedia/archive/01432/jackson460_1432704c.jpg

 

Nota: post baseado num artigo da revista "Lux"; todas as imagens foram retiradas da internet

publicado por mafalda às 11:07
link | comentar | ver comentários (12) | favorito
Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

já te aconteceu?

Já te aconteceu sentires saudades de quem não conheceste?

Já te aconteceu pensares na falta que pode fazer-te alguém que não conheces?

Nunca quis pensar muito no assunto, talvez por recear cair num buraco feito de pensamentos, mas é-me impossível não sentir…

Mesmo que não o queira pensar.

 

Gosto de uma pessoa, de duas pessoas, de dez pessoas, talvez de cem pessoas que não conheço e que, para meu desagrado, nunca irei conhecer.

Falo de actores e actrizes, cantores e cantoras, alguns políticos (como é o caso do Obama) e de outras tantas pessoas que só vejo na televisão.

Isto é normal! Acho eu…

 

Gosto de uma pessoa em particular; alguém que por todos os motivos e por motivos nenhuns estava esquecido há algum tempo.

Chega a ser estranho, agora, ouvir as suas músicas e pensar “Como eu gostava desta música! Nunca me apercebi que poderia ser uma das minha músicas preferidas”. Mas isso também é normal! Cada uma das suas músicas era melhor do que a outra e era tão universalmente bom que nunca ninguém se dava ao trabalho de dizer: “É o meu cantor preferido” ou “É a minha música favorita”.

É como se fosse uma coisa comum… Tão comum que já se partia do princípio que assim fosse.

 

Voltando à pessoa em questão, não gosto dela por uma razão em particular, gosto porque… Gosto. Porque é alguém que se pode ter como referência, porque é o melhor na sua área por ter trabalho muito, porque, tal como eu, não quis crescer.

Eu serei sempre uma criança, uma menina, e isto não é de agora! Quem me conhece minimamente, quem me acompanha desde o princípio, sabe que eu sou assim!

Devemos ter responsabilidades mas jamais devemos deixar morrer a criança que há entre nós… Isso seria condenar a vida a uma tremenda obscuridade.

 

Não conheço a história do Peter Pan, quer dizer, conheço… Mas nada que seja assim tão cheio de pormenores como é para mim a Cinderela, a Branca de Neve ou o Capuchinho Vermelho. Não conheço a Bela e o Monstro, nem a Bela Adormecida nem o Peter Pan, apenas tenho uma noção do que conta cada história e do pouco que sei sobre Peter, graças ao Johnny Depp e ao filme “À Procura Da Terra Do Nunca”, posso construir, fantasiar, e criar a minha própria história.

E foi o que fiz.

Para mim, o verdadeiro nome do Peter Pan era Michael e, sim, vivia na Terra do Nunca.

Peter (vamos chamar-lhe assim) teve de crescer muito depressa; enquanto os outros meninos brincavam, ele tinha de cantar e dançar sob a supervisão de um “pai” que o espancava se falhasse uma nota musical ou um passo de dança. À custa de muito trabalho (e de muita dor) tornou-se numa das pessoas mais famosas de todo o mundo mas toda a fama, todo o sucesso alcançado, não podiam dar-lhe o que ele realmente queria: ser criança.

Então Peter construiu o seu mundo de fantasia e chamou-lhe “Neverland”, “Terra do Nunca” no nosso português, pois era o sítio onde nunca, mas nunca mesmo, as crianças cresciam. O corpo podia crescer, podiam aparecer os primeiros pelos que denunciavam a barba, podia crescer um ou outro cabelo branco mas lá dentro, no coração, só havia lugar para se ser criança.

Foi assim que Peter viveu uma grande parte da sua vida e assim teria vivido se o deixassem.

Um dia, coisas más aconteceram! Peter viu-se envolvido num “circo” onde nunca nada foi provado, onde não foi acusado de nada, mas foi o suficiente para ser motivo de risadas, de privados julgamentos feitos por pessoas que apenas viam o seu aspecto exterior.

Alguns apelidaram-no de “Monstro” e o Peter Pan viu-se obrigado a fugir, a refugiar-se longe da sua “Terra do Nunca”, longe de quem o admirava.

Peter e os seus filhos tentaram o esquecimento mas chegou o dia em que, suponho eu, as saudades falaram mais alto e ele, Peter, regressou.

O mundo estava novamente preparado para o receber e essa recepção não poderia ter sido melhor: eram 50 datas, 50 espectáculos todos esgotados.

A “Terra do Nunca” deixou de existir fisicamente mas Peter estava vivo, estava mais vivo do que nunca e trabalhou noite e dia para que tudo estivesse perfeito, para que voltassem os dias de glória e ele se sentisse o Rei que nunca deixou de ser.

Mas por algum motivo, por alguma razão sórdida que acredito não existir, Peter fez o seu último vôo…

Até ao céu.

 

Aconteceu há pouco tempo… Há tão pouco tempo que há ainda quem não tenha superado a notícia mas eu sei, tenho a certeza, que as horas podem passar, as estações podem mudar, os anos podem ser levados pelo tempo, mas nunca, jamais, Peter será esquecido.

Ele foi demasiado importante para que tal aconteça e enquanto for recordado, não deixará de ser amado.

 

O que eu não sei é se Michael era Peter ou se Peter era Michael.

Talvez Michael fosse Peter porque Peter existiu primeiro… Porque houve, pelo menos, um outro homem antes de Michael que idealizou uma “Terra do Nunca” onde nunca deixaria de ser criança.

 

http://www.mcculloughsite.net/stingray/michael_jackson_1960.png

 

Então apetece-me perguntar se já te aconteceu sentires saudades de quem não conheces.

 

Escrevi uma espécie de poema, um dia destes, enquanto ouvia uma das suas músicas e o resultado, embora não seja nada por aí além, vai ser partilhado:

 

Ao ouvir a voz de um anjo eu sei

Serei sempre uma criança nas mãos de Deus

Não hei-de crescer, não hei-de crescer

Não hei-de envelhecer nem mais um dia

Vivo no mundo mágico que construí

E dele não irei nunca sair

Um dia vou morrer e será a sonhar

Não quero morrer a chorar

Foi assim que nasci e muito do que vivi

Não haverão lágrimas no meu fim

 

Sou uma criança no corpo de outro alguém

Não hei-de crescer, não hei-de crescer

Não hei-de crescer nem mais um milímetro

Não quero perder a inocência desta magia

Não quero ter medo de esperar por mais um dia

 

Fechei-me no meu mundo perfeito

Aquele cantinho longe da desilusão

Assim posso viver todas as fantasias

E ser mil pessoas numa só

Não hei-de envelhecer nem mais um dia

Não hei-de crescer, não hei-de crescer

Serei sempre uma criança nas mãos de Deus

E serei uma criança no dia em que morrer

 

Michael Jackson: Para mim, Peter Pan representa algo muito especial no meu coração. Representa o vigor de uma infância que nunca acaba, a magia, o vôo. Toda a admiração e magia que eu e todas as crianças esperamos dele. Nunca vou deixar de amá-lo. Ele é muito especial.

Martin Bashir: Identifica-se com ele?

Michael Jackson: Totalmente.

Martin Bashir: Não quer crescer?

Michael Jackson: Não. Eu sou o Peter Pan.

Martin Bashir: Mas você é o Michael Jackson.

Michael Jackson: Sou o Peter Pan, no meu coração.

 

excerto de "Living With Michael Jackson", Martin Bashir

 

 http://mj-upbeat.com/images/81s_000.JPG

 

Sou completamente apaixonada por esta música:

 

Human Nature (álbum: Thriller)

Looking out
Across the night time
The city winks a sleepless eye
Hear her voice
Shake my window
Sweet seducing sighs

Get me out
Into the night time
Four walls won't hold me tonight
If this town
Is just an apple
Then let me take a bite

If they say
Why, why, tell 'em that it's human nature
Why, why, does he do me that way
If they say
Why, why, tell 'em that it's human nature
Why, why does he do me that way

Reaching out
To touch a stranger
Electric eyes are every where
See that girl
She knows I'm watching
She likes the way I stare

If they say
Why, why, tell 'em that it's human nature
Why, why, does he do me that way
If they say
Why, why, tell 'em that it's human nature
Why, why does he do me that way

I like lovin' this way
I like lovin' this way

Looking out
Across the morning
Where the city's heart begins to beat
Reaching out
I touch her shoulder
I'm dreaming of the street

If they say
Why, why, tell 'em that it's human nature
Why, why, does he do me that way
If they say
Why, why, tell 'em that it's human nature
Why, why does he do me that way

 

nota: imagens retiradas da internet

música: human nature
publicado por mafalda às 09:33
link | comentar | ver comentários (39) | favorito
Quarta-feira, 22 de Julho de 2009

you never said goodbye, someone tell me why did you have to go and make my world so cold

Retirada do álbum, "HIStory", de 1995, You Are Not Alone entrou para o Guiness World Records como a primeira canção a estrear em primeiro lugar no chart da Billboard.

O vídeo não apresenta qualquer sequência de dança e é protagonizado por Lisa Marie Presley, filha de Elvis Presley, que na altura era casada com Michael.

 

A letra...!

É lindíssima!

Foi escrita originalmente por R. Kelly (do sucesso "I Believe I Can Fly") que a enviou a Michael como prova da sua amizade.

 

You Are Not Alone

Another day has gone, I'm still all alone
How could this be? You're not here with me
You never said goodbye, someone tell me why
Did you have to go, and leave my world so cold?

Everyday I sit and ask myself
How did love slip away?
Something whispers in my ear and says

That you are not alone
I am here with you
Though you're far away
I am here to stay

You are not alone
I am here with you
Though we're far apart
You're always in my heart
You are not alone

All alone, why, oh...

Just the other night, I thought I heard you cry
Asking me to come, and hold you in my arms
I can hear your prayers, your burdens I will bear
But first I need your hand, then forever can begin

Everyday I sit and ask myself
How did love slip away?
Something whispers in my ear and says

That you are not alone
I am here with you
Though you're far away
I am here to stay

You are not alone
I am here with you
Though we're far apart
You're always in my heart
You are not alone

Oh...whisper three words and I'll come runnin'
Fly...and girl you know that I'll be there
I'll be there

That you are not alone
I am here with you
Though you're far away
I am here to stay

You are not alone
I am here with you
Though we're far apart
You're always in my heart
You are not alone

That you are not alone
I am here with you
Though you're far away
I am here to stay

You are not alone
I am here with you
Though we're far apart
You're always in my heart
You are not alone

Not alone
You are not alone, you are not alone...

You just reach for me girl
In the morning in the evening
You're not alone, not alone
You and me, not alone, oh, together, together...

música: you are not alone
publicado por mafalda às 10:49
link | comentar | ver comentários (8) | favorito
Terça-feira, 21 de Julho de 2009

a "música do anjo" e a opinião de uma miúda de (quase) cinco anos

No passado fim de semana, a RTP exibiu o concerto de Bucaraste e eu, mesmo tendo-o visto tantas vezes, não consegui deixar de rever... Mas tive uma companhia especial.

Este concerto faz parte da "Dangerous Tour 1992/1993" e foi transmitido, em directo, pelo canal HBO ficando, assim,  na história como o maior índice de audiência conquistado pela TvCabo, facto que rendeu a Michael o prémio "Cable Ace Award".

 

Aliás, a "Dangerous Tour" bateu vários recordes, entre os quais:

 

- maior equipamento da história musical, com um palco que demorava três dias a ser montado

 

- 3,5 milhões de espectadores em 69 concertos

 

- Guiness World Record: os 5 concertos efectuados na Cidade Do México tiveram uma assistência de meio milhão de pessoas, o que permitiu a Michael bater o recorde mundial que ele próprio estabeleceu em 1987 com a "Bad Tour" (7 concertos esgotados no Wembley Stadium, em Londres, com um público total de 504 mil pessoas)

 

Voltando à transmissão do concerto:

 

A minha sobrinha, do alto dos seus quase cinco anos, tem uma predileção especial por Michael Jackson e, em particular, pela música "Will You Be There"; acontece que uma das imagens que a RTP mostrava quando fazia a sua "publicidade" ao concerto, era a de um anjo a abraçar o Michael.

A miúda, que já viu o video clip vezes sem fim, reparou nessa imagem e disse que aquela era a "música do anjo", ou seja, a "Will You Be There". Quase instantaneamente passou-me uma ideia pela cabeça:

 

- Ficas cá a dormir e vemos, juntas, o concerto.

- Siiiiimmm! - foi a resposta imediata.

 

O problema gerou-se quando eu espreitei a programação:

 

- início: 00h40

- fim: 3h

 

E lá tentei explicar:

 

- Sabes, talvez não dê para vermos o concerto, vai dar muito tarde.

- Não faz mal - diz-me ela - Às vezes eu fico acordada até mais tarde.

"Até mais tarde é uma coisa, até de madrugada é outra", pensei.

 

As horas passavam e ela mantia-se desperta (e esperta).

Entre um e outro desenho, entre um e outro jogo, entre uma e outra música (do Michael, claro) que ela pedia para ouvir, o tempo voou e chegou a hora esperada.

Deitou-se na cama, agarrada ao seu cobertor cor de rosa de estimação, com todas as atenções focadas na tv.

 

- Podes "descansar" (termo que delicadamente uso para a palavra "dormir"), quando der a música do anjo, eu chamo-te.

- Não!

 

Nem nos dois intervalos ela deu sinal de cansaço e eu, que nesses momentos fechava os olhos na esperança que ela fizesse o mesmo, mais parecia uma criança de quase cinco anos, enquanto que ela parecia ter a energia de uma rapariga de vinte (vá, vinte cinco) anos.

 

Quando chegou a vez de "Thriller", ela deu pulos em cima do colchão, gritou "THRILLER, THRILLER NIGHT" e maravilhou-se com os dançarinos mascarados, com a transformação do Michael (que a certa altura mascarou-se de lobisomem) e com o seu misterioso desaparecimento do palco.

Na "Smooth Criminal" os seus pequenos olhinhos azuis esverdeados brilhavam ao ritmo dos passos de dança.

"Beat It", à semelhança de "Thriller", serviu para que ela gritasse o seu "JUST BEAT IT".

A atenção foi roubada em "I Just Can't Stop Loving You" e acho até que foram poucas as vezes que ela pestanejou.

 

Subitamente as luzes apagaram-se, o palco mergulhou na escuridão e os úncios sons eram os gritos do público que se fazia ouvir!

Começam os acordes de uma música indecifrável e a pouco e pouco essa música transformou-se em algo que conhecemos bem.

 

- A música do anjo! - exclama entusiasmada.

 

Era, de facto, a "Will You Be There"!

Ela senta-se na cama e fica pregada à tv do princípio ao fim.

Tal como acontece sempre que a música entre na recta final, pergunta-me:

 

- O que é que ele está a dizer?

 

E eu traduzo-lhe a última parte.

Ela fica com a lágrima no canto do olho!

 

- Já podes dormir - aconselho.

- Eu não quero perder nem só uma música! - diz, determinada.

 

E fica... Até às 3h da manhã e ficava mais se o concerto durasse mais.

 

Esta é a minha sobrinha, que completa 5 anos no próximo mês, uma prova de que Michael Jackson jamais morrerá!

 

Como ela me disse um dia:

 

- Eu sei que a magia não existe mas... O Michael Jackson tem magia!

 

Eis a "música do anjo", ao vivo, de Bucareste directamente para o meu quarto:

 

Will You Be There

Hold me
Like the River Jordan
And I will then say to thee
You are my friend

Carry me
Like you are my brother
Love me like a mother
Will you be there?

Weary
Tell me will you hold me
When wrong, will you skold me
When lost will you find me?

But they told me
A man should be faithful
And walk when not able
And fight till the end
But I'm only human

Everyone's taking control of me
Seems that the world's got a role for me
I'm so confused will you show to me
You'll be there for me
And care enough to bear me

(Hold me)
(Lay your head lowly)
(Softly then boldly)
(Carry me there)

(Hold me)
(Love me and feed me)
(Kiss me and free me)
(I will feel blessed)

(Carry)
(Carry me boldly)
(Lift me up slowly)
(Carry me there)

(Save me)
(Heal me and bathe me)
(Softly you say to me)
(I will be there)

(Lift me)
(Lift me up slowly)
(Carry me boldly)
(Show me you care)

(Hold me)
(Lay your head lowly)
(Softly then boldly)
(Carry me there)

(Need me)
(Love me and feed me)
(Kiss me and free me)
(I will feel blessed)

In our darkest hour
In my deepest despair
Will you still care?
Will you be there?
In my trials and my tribulations
Through our doubts and frustrations
In my violence
In my turbulence
Through my fear and my confessions
In my anguish and my pain
Through my joy and my sorrow
In the promise of another tomorrow
I'll never let you part
For you're always in my heart

música: will you be there
publicado por mafalda às 08:56
link | comentar | ver comentários (8) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Porquê Agora?

a pergunta que mais tenho ouvido e que eu própria faço é: porquê agora? porquê mostrar admiração depois de ele já ter partido? e a reposta é simples e directa: porque ele era nosso, era um dado adquirido... mas nesta vida nada pode ser dado como certo e é nestes momentos que percebemos quão ténue é o fio que nos liga a este mundo. há uma certa tendência para darmos valor depois da perda e, em parte, é disso que se trata. ELE PODE TER PARTIDO MAS JAMAIS MORRERÁ

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.posts recentes

. um ano

. sem dúvidas...

. billie jean

. não estou esquecida...

. a homenagem a Michael nos...

. mais uma homenagem vinda ...

. ousar sonhar

. tradução de thriller

. bom ano novo

. coragem (poemas e reflexõ...

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

.tags

. (in)justiça(1)

. 15 curiosidades(1)

. 1984(1)

. 3t(1)

. a infância(1)

. a sombra evasiva(1)

. a última lágrima(1)

. acidente da pepsi(1)

. acusações de pedofilia(2)

. akon(2)

. alien ant farm(1)

. all the things you are(1)

. american music awards 2009(1)

. amor(1)

. aniversário(1)

. another part of me(1)

. anúncios da pepsi(2)

. aquele homem no espelho(1)

. aquilo que o matou(1)

. as condolências(2)

. as contradições de "living with michael(4)

. asas sem mim(1)

. bad(1)

. barack obama(1)

. barbara walters(2)

. bart simpson(1)

. beat it(2)

. berlin 1989(1)

. better on the other side(2)

. beyoncé(1)

. bill clinton(1)

. billie jean(2)

. black or white(2)

. blanket jackson(8)

. blog destacado(1)

. blood on the dance floor(2)

. boys ii men(2)

. brandon jackson(1)

. brooke shields(5)

. bucarest(1)

. but the heart said no(1)

. captain eo(1)

. causas da morte(1)

. charlie chaplin(2)

. children of innocence(1)

. chris brown(2)

. cinco meses(1)

. citações(2)

. confiança(1)

. coragem(1)

. criança mágica(2)

. cry out of joy(2)

. dancing the dream(19)

. diane sawer(2)

. diddy(2)

. earth song(2)

. elizabeth taylor(2)

. funeral(2)

. geraldo(4)

. guiness world records(8)

. heal the world(2)

. history(2)

. homenagem(2)

. human nature(2)

. i just can't stop loving you(2)

. inocência(2)

. jackson 5(5)

. jackson family(3)

. janet jackson(5)

. jermaine jackson(2)

. joe jackson(2)

. jordan chandler(2)

. la toya jackson(3)

. lionel richie(2)

. lisa marie presley(5)

. living with michael jackson(5)

. macaulay culkin(2)

. magical child(2)

. mario winans(2)

. martin bashir(6)

. maury povich(3)

. michael jackson-o legado(2)

. mtv(3)

. natal(2)

. neverland(3)

. off the wall(2)

. paris jackson(9)

. poema(19)

. polow da don(2)

. prince michael jackson(10)

. smile(2)

. smooth criminal(4)

. the game(2)

. the lean(3)

. this is it(8)

. thriller(9)

. tributo musical(4)

. usher(2)

. vma(2)

. will you be there(4)

. todas as tags

.favoritos

. Quero-te

. Insónia

. É À NOITE

. Esfera

. Palavras

. ESSES TEUS CINCO SENTIDOS...

. É

. Porque não pára o tempo?

. Confiança

. Alma

blogs SAPO

.subscrever feeds